Bullet Journal: Maio 2020.

30/04/2020

Queria compartilhar com vocês como ficou meu bullet journal de maio.
Esse mês decidi que ia ser mais consistente no exercício de completar meu bujo. Eu comecei a usar esse método de oganização pelo motivo de que ele é antes de tudo atemporal (sempre falo isso) e porque eu não aguentava tantas páginas sendo desperdiçadas numa agenda comum.

Acontece que eu já não tava preenchendo nem os poucos espaços que eu separava no bullet, porque eu fazia tudo muito rápido, às vezes, eu nem sequer anotava as tarefas e quando anotava, não voltava lá pra dar um check nas coisas que havia iniciado.

O legal do Bullet Journal é a liberdade que ele te dá no tempo e nas atividades, você pode criar espaços pra acompanhar o desenvolvimento dos seus projetos e como eu não tava fazendo isso, logo, continuava com a sensação de que eu não saía do lugar.

Uma das coisas que mais me atrapalhava é porque eu sou muito apegada à harmonização visual das coisas, eu queria que meu bujo ficasse preenchido e ao mesmo tempo bonito. Mas como eu já me conheço e sei como funciona minha cabecinha decidi abrir mão disso por um tempo e deixar com que a minha vida realmente retratasse como ela é no papel. Por isso o tema desse mês é: meu maio bagunçado. Porque essa é a primeira vez que eu vou me dedicar a escrever todo o santo dia algo ali e eu não sei como vai ficar no final.

A impressão que eu tenho que no quando acabar o mês pode ser que eu tenha até acabado esse caderno, que no fim ele vai ficar tipo um “Destrua Esse Diário”, sabe? Hahahaha. 
Enfim, segue o videozinho de mim criando essa aparência. Eu quis fazer algo mais voltando pro rústico e eu sei que comecei de um jeito minimalista, mas aí está a graça de ir completando ele aos poucos. Tenho certeza que essa vai ser uma boa lembrança no final do mês.
Alguns detalhes dos meus desenhos não ficaram perfeitos obviamente, mas eu até gosto disso, porque tem muita gente que acha que pra fazer um bullet journal ou lettering você precisa já fazer as coisas perfeitas e não é nada disso. Pra ficar bonito você precisa começar de algum lugar né? Tem gente que desiste antes mesmo de tentar fazer algo. Eu não me cobro tanto isso, porque é algo que faço pra me relaxar, é um ótimo exercício pra destravar a criatividade.


Escolhi fazer pergaminhos nos espaços para os dias da semana e pretendo fazer nesse estilo o mês inteiro. Fiz algumas colagens com papel pardo. Eu estava sem cola, então usei fita dupla face. Whashtape para grudar um papel diferente com a frase “ame o processo” que eu também decidi ali na hora que tava fazendo e não poderia ter sido melhor. Eu realmente quero amar o processo de fazer devagar cada coisinha que eu precisar esse mês, sem me preocupar tanto em como vai ser o resultado das coisas.

Vocês já entenderam a minha vibe pra esse mês, né?


Maio pra quem não sabe é o meu mês, dia 24/05 faço vinte e cinco anos e confesso que eu tô um pouco assustada. Vamos ver o que este mês nos espera. Sei que a gente não tem muitas expectativas por uma questão de saúde pública, mas espero mesmo, de todo coração, que no final dele estejamos um pouco melhores e que em meio ao caos a gente consiga ficar bem, de acordo com as condições.

Beijos.
Tamo junto aqui ♥

Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela visita e até a próxima!

 
// Visit helplogger.blogspot.com for more widgets and tricks.