Três dias em silêncio

13/04/2020


    
      Sexta, sábado e domingo, até antes disso eu fiquei meio ausente e não foi bem porque eu quis, eu realmente tinha conteúdo pra postar e algumas ideias pra compartilhar com vocês, mas acho que eu precisava desligar um pouco, sabe? Dar uma pausa em algumas coisas e refletir.
     Foram três dias benéficos, três dias de serendipidade.
     Nesse período eu não realizei as tarefas do desafio dos 14 dias, mas ganhei muito mais coisas não fazendo. Dá pra acreditar? Algumas tarefas ficaram um pouco acumuladas, mas tive ganhos significativos de outras formas.
     Uma das principais coisas sobre esses três dias foi ter me lembrando do quanto eu gosto de estar na minha própria companhia. O quanto é bom a gente ter esse tempo e aproveitar com nós mesmos. Solitude em vez de solidão. Lembra? E eu realmente posso dizer que eu adorei minha companhia.
Nesses dias eu pude me reconectar comigo mesma. Eu olhei pra mim, prestei atenção nas minhas necessidades, fiz coisas por mim, pensei em mim.
     Uma coisa engraçada sobre esses dias foi que, no desafio o décimo primeiro dia se tratava em fazer uma oração profunda. Quando montei o desafio, eu não tinha nem me tocado das datas, sobre o período pascal, enfim, e eu fiz a oração profunda em forma de reconciliação e quando eu parei pra prestar atenção. Sabe aquelas coisas que vem de Deus, você percebe e você sorri? Pois é.
     Obviamente eu não passei os três dias em voto de silêncio, claro que não, mas eu deixei minha alma respirar. Eu consegui entender muitas coisas a respeito de mim mesma que me fizeram bem e tenho certeza que isso vai ser muito bom daqui pra frente. Acho que isso precisava acontecer.
Voltemos a programação normal.
Beijos!
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigada pela visita e até a próxima!

 
// Visit helplogger.blogspot.com for more widgets and tricks.